APIs

Como fazer análises de investimentos por meio das APIs da B3?

Já pensou em acompanhar os dados da B3 para investir melhor? Você sabia que é possível usar APIs da B3 em suas análises de investimentos? Com essas informações, a tomada de decisões fica mais assertiva.  Pensando nisso, veja, neste post, o que são e qual é a importância dos dados da B3? Quais são as […]

Por Thamara Araujo

01 junho 2022 - 09:00 | Atualizado em 20 junho 2022 - 11:05


análises de investimentos

Já pensou em acompanhar os dados da B3 para investir melhor? Você sabia que é possível usar APIs da B3 em suas análises de investimentos? Com essas informações, a tomada de decisões fica mais assertiva. 

Pensando nisso, veja, neste post, o que são e qual é a importância dos dados da B3? Quais são as vantagens que proporcionam para o investidor? Como funcionam na prática? Boa leitura!

 

O que são os dados da B3?

A B3, Bolsa de Valores do Brasil, disponibiliza por meio do Market Data B3 diversas informações sobre o mercado de investimentos úteis para os investidores. Dentre essas, é interessante citar: 

  • Mercado de ações: possibilidade de comprar diferentes tipos de ações de empresas listadas na B3, seja para day trader ou outros investimentos a longo prazo;
  • Derivativos: modalidade de ativos que não possuem valor de forma independente, ou seja, a formação do preço depende da valorização ou desvalorização de outros ativos;
  • Índices: indicadores de desempenho que dão uma visão geral para o investidor sobre o momento que o mercado econômico está vivenciando; 
  • Outros ativos: além dos dados citados anteriormente, a B3 possibilita a consulta a outros tipos de ativos, por exemplo, a renda fixa e o mercado à vista. 

Qual é a importância do acompanhamento dessas informações?

Para o investidor, é essencial acompanhar regularmente as informações da B3 para elaboração de sua estratégia de investimentos. Afinal, o ato de investir não é feito com base em suposições fantasiosas. Pelo contrário, é preciso fazer uma investigação e estudo sobre a movimentação financeira do mercado. 

Dessa forma, aumenta a probabilidade de conseguir acertar corretamente os momentos futuros de valorização e desvalorização de ativos. Isso é fundamental para vender e comprar as ações no tempo adequado, ampliando a rentabilidade. Agindo assim, você vai seguir o princípio básico de todo investimento: compre quando está em baixa e venda quando está em alta. 

Porém, é importante dizer que, para acessar os dados da Bolsa de Valores do Brasil, é preciso recorrer a empresas parceiras oficiais que fornecem APIs da B3 para análise de investimentos, por exemplo, o Market Data Cloud.

 

O que fazer com os dados extraídos das APIs da B3?

Ao utilizar as APIs da B3 para análise de investimentos, o investidor terá acesso a todos os dados disponíveis no Market Data B3 e pode aproveitar os dados extraídos para criar gráficos em:

  • Sites;
  • Aplicativos;
  • Planilhas.

Desse modo, as informações ficam organizadas e gravadas e servem para a construção de insights valiosos que vão ajudar a melhorar a performance dos negócios feitos. Saiba mais sobre as vantagens proporcionadas pelo acompanhamento de dados. 

 

Quais são os benefícios das análises de investimentos?

Entre os benefícios, o mais destacável de todos é a melhora na tomada de decisões, visto que esse processo será feito de acordo com dados concretos que vão funcionar como base orientadora de cada novo passo. 

Portanto, o investidor conseguirá fazer melhores escolhas, já que vai conseguir ver e analisar:

  • Cotações;
  • Valores;
  • Ganhos;
  • Lucros.

Sendo assim, isso quer dizer que os investimentos vão acontecer de forma segura, com maior chance de retorno financeiro. É claro que investir sempre traz alguns riscos, tendo em vista que situações inesperadas podem surgir e alterar o mercado de ações. 

Porém, a ideia é minimizar o grau de risco dentro do que for possível, a fim de evitar que ocorram prejuízos financeiros para o investidor. Ou pelo menos, quando acontecerem perdas, minimizar o nível dos danos sofridos. 

 

Dois exemplos práticos de análises de investimentos 

Confira na prática como usar os dados das APIs da B3 para análise de investimentos

1- Análise gráfica

Se você é um investidor iniciante, talvez ainda não conheça os diferentes tipos de verificações do mercado que estão à disposição para melhorar a qualidade dos seus investimentos. Entre essas abordagens, um modelo muito importante é a análise gráfica

Como o próprio nome sugere, essa análise trata-se da observação da movimentação do mercado durante um período determinado por meio de gráficos, que ajudam a compreender as oscilações entre a oferta e demanda.

Através de padrões, existe a chance de antecipar as próximas alterações de preços. Dentre esses, uma representação gráfica de destaque é o candlestick. Nesse caso, o gráfico possui a forma de um bastão de velas e auxilia na compreensão dos preços de abertura e fechamento dos ativos. 

Entre outras formas, o candlestick pode ser representado por: 

  • Estrela da manhã: é composto por uma sequência de 3 candles negativos e indica uma mudança de cenário para o começo de períodos de alta;
  • Martelo invertido: nessa circunstância, o símbolo do martelo ocorre porque os valores de abertura e fechamento foram muito próximos;
  • Linha de perfuração: é sinal de que vai haver uma mudança de temporada, sendo o oposto da tendência atual. 

No entanto, existem outras técnicas e padrões gráficos interessantes para a análise de investimentos. Veja alguns exemplos: 

  • Topo duplo: identificado pela formação da letra “M” no gráfico, indica que houve duas temporadas boas e a tendência é que os preços sigam para queda;
  • Fundo duplo: representado pela letra “W”, demonstra o fim de dois períodos de baixa e o início de aumento dos preços;
  • Doji: é formato de uma cruz, evidencia que o mercado está indeciso quanto a precificação do ativo;
  • Triângulo descendente: é sinal de que vai começar uma temporada de quedas.

2- Análise fundamentalista

A análise fundamentalista consiste na avaliação de uma determinada empresa que faz parte da Bolsa de Valores do Brasil. Nesse sentido, a ideia é investigar os aspectos financeiros, setoriais e até mesmo políticos da organização visando especificar qual é o valor atual e futuro da corporação. 

Ou seja, dentro dessa metodologia, o investidor une as análises dos preços das ações com o estudo do histórico empresarial a fim de fazer um investimento que traga boas chances de rentabilidade mais à frente. 

Então, pensando em tudo que foi considerado, que tal usar as APIs da B3 para análise de investimentos? Acelere a transformação do mercado financeiro!